Black History Month / Mês da História Negra

Celebrado anualmente em fevereiro, o Mês da História Negra relembra a contribuição dos negros à vida política e cultural dos Estados Unidos. Até os anos 60, quando os movimentos pelos direitos civis dos negros triunfaram no país, essa parte da população vivia a segregação racial.
Mesmo após a Guerra de Secessão, a Lei Jim Crow, que exigia que as instalações de escolas, transportes e outros locais públicos fossem separadas entre as raças, e a Ku Klux Klan, organização que defendia a supremacia branca, continuavam a marginalizar os negros.
Em 1926, Carter Woodson, um filho de ex-escravos que se tornou Ph.D na Universidade de Harvard, criou a Semana da História Negra com o objetivo de dar notoriedade às lutas dos negros. No entanto, a melhoria da qualidade de vida e o fim da segregação vieram somente após a Lei de Direitos Civis, em 1964.
O evento evoluiu da Semana da História Negra para o Mês da História Negra, tendo sido reconhecido oficialmente apenas em 1976 pelo presidente Gerald R. Ford.
Outros países mundo afora, incluindo o Canadá e o Reino Unido, também devotam um mês para celebrar a história negra.

Alguns nomes importantes que mudaram o país: Carter Woodson, Martin Luther King Jr, Barack Obama, Rosa Parks, Michael Jackson, Malcom X, entre outros.

O ICBEU, disponibiliza este mês em sua biblioteca um espaço para o Black History Month, com obras de pessoas importantes que influenciaram na luta por direitos iguais.

2019-02-11T17:59:39-03:00